ESCOLA INCLUI PROTEÇÃO ANIMAL COMO DISCIPLINA NO CURRÍCULO ESCOLAR

Professor introduz uma disciplina estudada de "Proteção dos Animais" no currículo escolar.

 
Muitos dos problemas de abandono e maus-tratos dirigidos a animais, estão relacionados e são consequências da falta de incluir na educação infantil  (família e escola) ensinamentos e exemplos da importância do respeito à vida animal, tratando-os como seres sencientes (que sentem).
 
Iniciativas como a de um professor da escola CEIP Virgen de los Dolores Purchil, na província de Granada, estão a mudar esta realidade, que conseguiu que a "Proteção dos Animais" fosse reconhecida com uma disciplina estudada no currículo escolar.

O bem-estar e o cuidado dos animais, com principal relevância daqueles que estão abandonados na rua, é um assunto muito debatido pela Federação Granadina de Associações de Proteção Animal (FEGRAPA) e pela Sociedade Protetora de Animais e Plantas de Granada que unem esforços há anos para oferecer abrigos e assistência aos animais que não têm um lar.
 
Para sensibilizar os alunos sobre o assunto, foi promovida uma iniciativa  pelas duas Associações: tornar a Proteção dos Animais realmente uma disciplina escolar.
 
Tudo isto só foi possível graças ao compromisso do professor da escola que lançou esta ideia, entrando em contato com a FEGRAPA.
 
"Tudo aconteceu quando um dia fomos fazer uma palestra e um professor se aproximou de mim e me disse que ele tinha um grupo de crianças que queriam fazer um projeto a longo prazo conosco", revela  Pedro Cantos, diretor da FEGRAPA. 
 
A partir desta semente, nasceu um programa formativo único, implementado na escola recentemente.
 
Neste conteúdo escolar, são ensinadas às crianças questões relacionadas com a proteção dos animais e também conselhos e informações úteis sobre o que fazer quando há necessidade de ajudar um animal em risco ou é vítima de crueldade.
 
O grande objetivo é sensibilizar os alunos e a comunidade em geral sobre questões como o bem estar animal e ensinar a importância do contributo individual para o respeito e o cuidado dos animais.

Esta iniciativa foi projetada apenas para as crianças, no entanto os pais também estão a ser incentivados para integrar e participar de forma ativa.

PET B HOME | 2019-09-24